Marília Peres Cakes

18 de abr de 2018

Lá, em Marrakesh


Yves Saint Laurent nasceu na Argélia, virou icone na França e ganhou o mundo. Mas era no Marrocos que ele se sentia em casa.
Desde que ´´descobriu´´ a cidade de Marrakesh em 1966, Saint Laurent e seu parceiro Pierre Bergé fizeram de lá sua segunda morada, comprando uma casa chamada A  Casa da Serpente.
Em 1980, ele se apaixonou pela mansão La Majorelle, antiga residência do pintor Jaques Majorelle, que estava abandonada. Saint Laurent e Bergé reformaram a casa e restauraram o deslumbrante jardim.
Hoje, La Majorelle é a sede do Museu YSL. E é lá que foram jogadas as cinzas do gênio.





































Nenhum comentário: