Doux Jóias

24 de mar de 2017

João Marcos

João Marcos tem 19 anos e é o mais velho de seis irmãos. Seu pai morreu quando ele ainda era um menino. João  mora na Vila Acaba Mundo, no fim da Praça JK, no Sion. Ele, os irmãos e a mãe vivem num anexo da casa do avô, que é jardineiro no Belvedere.
Sua mãe, Danielle, é manicure e nas horas vagas vende  roupas que traz do chamado ´´bate-volta´´ em S.P, para completar o orçamento doméstico.
João Marcos sempre foi esforçado, compenetrado, inteligente e responsável. Como sempre tirou boas notas, se inscreveu para fazer intercambio  nos Estados Unidos e aprender inglês. Conseguiu. Passou um ano vivendo lá, com uma família mormon. Passou com louvor na avaliação do programa em todos os quesitos. Incentivado pela família americana fez provas para tentar a faculdade lá. Mas o visto de estudante venceu e ele teve que voltar.  Voltou para o Brasil ano passado  falando inglês fluente e quase sem sotaque!
Dois dias depois do desembarque, João já estava procurando emprego.  Esforçado, se inscreveu em todos os concursos e vagas. Acabou passando em uma delas e 10 dias depois já estava trabalhando como vigilante do CCBB, na Praça da Liberdade. É ele o recepcionista bilíngue de lá. João trabalha até as nove horas da noite.
Ontem, ele recebeu um telefonema que esperava há meses: foi aprovado da faculdade de direito da PUC! João se inscreveu para o vestibular em segredo.
O sonho de uma vida estava se tornando realidade. João correu até a faculdade para se informar: tinha que pagar a taxa para a matrícula já no dia seguinte. Chegou em casa cabisbaixo. Embora esteja trabalhando há 8 meses e tenha feito uma poupança, não tinha todo o valor. A família entrou em ação. O avô ajudou, a tia, o padrinho, os vizinhos.  E Dani, a mãe, correu atrás de receber ´´os atrasados´´. Em quatro horas o dinheiro estava na mão e a matrícula, feita!!
Dani, a manicure da Vila Acaba Mundo está inchada de orgulho: tem um filho na PUC! O avô, jardineiro há 40 anos, tem agora, um neto  que vai ´´ser doutor´´!
Acontece que além das mensalidades, que começam em agosto, o estudante precisa de livros, cadernos, canetas, mochila. Nada impossível para João Marcos, que superou, até agora, todos os limites que a vida lhe impôs. Mas, uma ajuda é sempre bem vinda. Se vocês tiverem livros de direito, cadernos, mochilas ou puderem ajudar de alguma maneira, será maravilhoso.
Quem sabe um dia, não teremos orgulho de ver João Marcos recebendo o diploma?!?!

5 comentários:

Anônimo disse...

kika como eu faco para ajudar_

Adriana disse...

Quero ajudar. Como?

Kika Gontijo disse...

Anônimo e Adriana!
Para ajudar o João Marcos: o fone da Dani, mãe dele é: 31 98817-9637
Muito obrigada!!!

Ruth disse...

Kika, tenho muitos livros de direito e teria prazer enorme em ajudá-lo passando os livros a ele!!!!

Como devo proceder?

Obrigada!!!!!!!

Ruth disse...

Ah!!!! Obrigada!!!!! Acabei de ver o tel da mãe dele nos comentários