Qualiy Decorações

21 de jun de 2017

Uma plástica sem efeito prático


Willian e Renata mostraram com orgulho o novo estúdio do Jornal Nacional. Ficou de fato lindo.
O problema é que o JN ficou velho. E não há plástica que dê jeito.

A força da internet  criou as primeiras ´´rugas´´  no bom e velho JN. O fato acontecia as 14:00 em Bagdá e as 14:02 já estava na rede, enquanto Willian só daria a bomba ás 20:30. Até lá, outra bomba poderia explodir em outro lugar no mundo e Willian teria que esperar até o dia seguinte para poder nos contar. Willian ficou quase um ´´café requentado´´, tadinho.

Mas o que envelhece de fato o JN, é o seu formato. 
Enquanto a Lava Jato deixa o país insone, a PF invade prédios de luxo e gabinetes parlamentares atrás de bandidos, Willian e Renata se limitam a contar os fatos. Tá certo. Mas este é o velho jornalismo. O fato pelo fato, a internet já nos dá. Queremos mais. 
Queremos opiniões, discussões, polêmicas. Queremos saber o que pensam as pessoas que pensam. Queremos ir além da notícia.
Com o mundo político e empresarial se sacudindo com a caça aos corruptos, com panelaços, impeachment, passeatas, protestos, prisões,  delações , empresários poderosos de cabeça raspadas, políticos picaretas atrás das grades, incertezas e dúvidas, não dá para ligar a TV e ouvir a dupla do JN simplesmente lendo o teleprompter. 

O JN me parece aquelas mulheres tão plastificadas que a gente nunca sabe se estão sorrindo ou chorando! 

O Brasil está mudando e com ele o interesse dos brasileiros pelas notícias, haja visto o sucesso estrondoso do  site O Antagonista, de Boechat na BandNews e dos apresentadores e jornalistas  da GloboNews. 

Não somos mais ovelhinhas que apenas ouvem e obedecem. Queremos ouvir e entender para então escolher. 
Willian e Renata são apresentadores competentíssimos, não há dúvida. Mas não são jornalistas. Falta no JN um grupo de comentaristas competentes para fazer aquela ´´plástica´´ urgente que o JN precisa.


O JN continua o mesmo. Mas nós, brasileiros, felizmente, mudamos.





3 comentários:

Anônimo disse...

Também sinto falta de um jornal mais interativo! Com opiniões, com considerações!!!

Anônimo disse...

Agora só assisto Globo news .

Anônimo disse...

Assisto sempre ao jornal da Cultura. Traz sempre convidados interessantes para discutir as notícias